quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Caldera Chile - Paso Pircas Negras - Villa Unión Argentina

Buenas noches indiada!

Dia muito feliz.

Cantei, gritei, conversei com a moto, com os bichos kkk A natureza é fantástica.

Louco? Quem sabe... feliz por conhecer mais uma parte desse mundão de deus.

O meu dia começou 6h com um banho bem quentinho. Depois tomei o café da manhã na pousada da tia. Café em pó e água. Dois bolachões com "queso" e "jámon". Altas conversas kkk

E segui viagem em direção a Copiapó, para tomar a ruta em direção ao Pircas Negras.

Abasteci em Copiapó, mas ainda tem uma estação Copec em Tierra Amarilla, para quem quer colocar um litro a mais kkk.

Não comprei e nem estou levando "bidón" extra. No Paso Agua Negra se ratear eu vou e volto e ainda faço mais meia volta com um tanque da RT. E no Pircas não foi diferente.

Seguindo caminho, por sorte parei numa "tienda", para comprar água e um lanche, pois logo adiante estavam os hermanos Carabirenos de Chile, impiedosos com o radar na mão. kkk

Me fiz de louco e parei para pedir informação sobre o Pircas Negras: "habilitado". Show.

Logo adiante se vê uma "tímida" placa "Pircas Negras". Esquerda. Dobrei, mas na próxima mineradora parei para confirmar. Tranquilo.

Caminho de rípios. Consolidado, mas bem esburacado. E a estrada segue por lindas montanhas, coloridas. O que é bom de se notar são as camadas de rochas, sobrepostas. Uma de cada cor, e obviamente, de material diferente. Natureza é impecável...

E sobe a cordilheira. Caminho de rípios no estilo "pedreira". Nota-se neste passo que a montanha é mais "polida", mais lisa. Depois de tantos km rodando se chega na aduana do Chile, que funciona somente em janeiro e fevereiro, de quinta-feira a domingo. Estação de containers. Para a moto foi rápido... o cara da "migraciones" cheio de detalhes é que demorou. E só tinha eu por lá. Paciência.

Para quem quiser passar e ganhar tempo: o "Paso" só abre às 9h. Então é bom sair de Copiapó, por exemplo, 7 horas da manhã. Até chegar no passo já estará aberto e você fará os trâmites mais cedo. Pode aproveitar o passo ou rodar mais ao final do dia.

Segue o baile. Na "cumbre" está a divisa. Sem a placa de identificação. Essa parte eu não gostei kkk queria pelo menos uma placa para fotografar kkk.

E começa a descer... e a estrada fica mais bonita. Na realidade este passo é mais bonito do lado argentino. Os detalhes.

Falando em detalhes, quase todos os elementos dos outros passos estão presentes neste, mas não sei porque, este é mais bonito. Creio que seja pelas formas das montanhas, das pedras, do tipo de estrada.

Estrada? bem variada. Vai desde rípio liso, quase asfalto, até pedreiras. Muda até de cor kkk Ora estrada de sal, ora estrada de barro... e vários rios cortando a mesma. Dá um friozinho na barriga cruzar, pois não se sabe o que tem debaixo daquela lama.

Tem uma seção de penhascos. E a estrada vai costeando um riozinho. Enormes montanhas. Coisa de filme. O rípio some, aparece asfalto, logo troca novamente. No total foram mais de 210km de rípios. E a RT aguentando firme o tranco. Vocês não tem ideia da maravilha que é viajar com essa moto. Se comportando muito bem... só exige gasolina kkk  Essa Globetrotter, só me dá felicidades. Às vezes, juro, fico com vergonha do nível de traquitanas que outros viajantes levam, tititi, moto isso, moto aquilo... bom... bom... nada pessoal kkkk E a RT também vai kkkk

Bom... vamos deixar de "viajar" e seguir "viagem" kkkk

Depois de quase um dia de rodagem chega-se a Vinchina. Não tem aduana, não tem "cartelito", não tem nada nessa cidade. Tive que ir no quartel dos Gendarmes fazer os documentos. Até um rapaz que estava na blitz de segunda-feira recordou de mim. "Foi você que tentou passar aqui nessa semana?" kkkk

E fechou o tempo no Pircas Negras. Estava vindo uma pela chuva na "cola".

Dei o "set" no piloto automático em 140 km/h e deixa que "berre". Logo estava em Villa Unión. kkk

Fiquei sócio de hotéis, restaurantes, posto de gasolina e afins. kkk

Infelizmente ou felizmente, todos os caminhos "morrem" nessa cidade. Ainda bem que aqui tem excelentes hotéis a valores convidativos.

Hoje fui direto no Hotel Cañon de Talampaya, no outro lado da cidade, próximo ao Pircas Negras e ao Costa de Miranda.

Valor inicial 300 pesos single. "Qual o menor valor em efectivo?"... dos cientos (200 pesos). kkkk

Isso a moça falou no quarto, pois tinha gente na recepção. Baixei as tralhas do bi-trem e já era. Muito bonito e com acabamento melhor que os outros dois já citados e "testados". Ampla área. Virei sócio kkk

De banho tomado, limpinho e cheiroso, fui abastecer a moto. Esses "queras" não aceitam "tarjeta" em lugar algum. Nem no hotel fazem questão de receber. Fogem dos cartões como o diabo foge da cruz.

E nos dois "cajeros" da cidade, não tinha "plata". Vê se pode? Ainda bem que eu tinha quatrocentos e poucos pesos em mãos. Se foi 200 pro hotel, 125 de gasolina e 100 na janta. Que tristeza! kkk

Falando em janta. Tem um restaurante chamado "La Palmera", na entrada da cidade, antes do posto policial. Eu já tinha visitado, mas tinha esquecido a câmera no hotel. Pensem numa coisa rústica, de chão batido, terra vermelha. Um charme só. Fui novamente... agora com fotius kkk Bom demais...

Amanhã é outro dia (dã)! Paro onde der ou minha "plata" permitir kkkk

Na Argentina tem que ser em "efectivo". Cartão é só para emergência. Infelizmente é assim. Os postos no Chile, principalmente os Copec, aceitam qualquer cartão na boa, sem titubear. Mas é isso ai...

Vamos descansar. O Pircas Negras ficou. Maravilha de passo. Recomendo a todos os camaradas "Moto Viajeros"!

Abs

Gedson
OnBoard R1200RT - Globetrotter - Erechim (RS)













































































4 comentários:

  1. Pra que moto trail ???? Vai de RT mesmo !!!!
    Coloca logo essas fotos aí Gedson. Grande abraço e boa viagem.
    Luiz Felipe Borges - Passo Fundo RS

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Obrigado amigos Os Cuturneiros e o Robson Jaborá... vai tranquilo com a RT kkk o pessoal que fica criando empecilhos kkkk

      Forte abraço hermanos!

      Spidi

      Excluir
  3. Gedson! Pra andar por aí sozinho só podia ser do RS mesmo!
    Saberia dizer qual é o mais bonito, esse ou o de aguas negras? To com dúvida de qual faço...Já fiz três, Jama, Sico e SF. Qualquer dúvida destes só perguntar. Obrigado se puderes responder.

    ResponderExcluir