sábado, 21 de janeiro de 2012

Santiago del Estero - Posadas ARG

Boa madrugada indiada macanuda!

Acordei "queimado" no horário e fui tomar o café da manhã no hotel Bristol. Acabei esquecendo o celular desligado.

Retirei a moto da "cochera" e paguei 15 pesos ao rapaz que deu um banho de "bebê" na RT.

Até que ficou boa. Enfim, saiu toda aquela "craca" que estava impregnada.

Segui para o centro comprar uns regalos para a mulher kkk para na volta garantir a entrada em casa kkk

Como já tinha abastecido a moto ontem, rumei para a estrada. Com sol, mas um pouco nublado. Temperatura amena.

Parada em Quimili para abastecimento e almoço. Pedi uma "milanesa com pure de papas". Um suco e um energético, pois tinha muita estrada pela frente.

Recebi a informação que estava chovendo na região de Corrientes. Devido ao calor insuportável, uma excelente notícia.

No cruce de Avia Terai já começo a pegar uma forte chuva. Incrível passar o inferno que é  Presidente Roque Sáenz Peña com chuva. Fato inédito kkk

Logo adiante já cessou e consegui chegar em Corrientes no final da tarde. Missão cumprida.

Não...

Engano meu nobre. Seu dia de "trabalho" ainda não terminou. kkk

Abasteci a moto e sai procurar hotel pela cidade. Todos os hotéis estavam lotados. Nem nos mais caros tinha quarto. Nem meio sofá para dormir kkk

Parei em um posto para um lanche. Programando o que iria fazer. Só restou seguir viagem pela costa do Rio Paraná em direção a Posadas.

No posto fiquei sabendo o porque da cidade estar "lotada". Nessa época ocorre o Festival Nacional do Chamamé. Coisa "fina". Bom... perdi esse. Se soubesse tinha programado.

Segue o baile...

Outra parada em Ita Ibaté. Passei por todas as pousadas e hotéis e nada. Maravilha. kkk

Próxima parada em Ituzaingó. Todos os hotéis e pousadas também lotados.

E aí? Segue para Posadas. Raios riscando o horizonte.

Cheguei aqui era 1h30 da manhã! Ainda que estava bem. Psicologicamente e fisicamente. Já conformado com a ideia. O que não tem solução, solucionado está.

Fui direto ao Hotel City, bem no centro, onde já estive hospedado em outras oportunidades.

Quarto simples, com ar, banho privado, wi-fi e desayuno por 159 pesos. A "cochera" estava lotada e a moto ficou na entrada do hotel.

Tomei um banho e sai comer algo agora há pouco.

Revendo o roteiro, creio que amanhã sairei da Argentina pela ponte Santo Tomé - São Borja. Também vou dormir um pouco mais para compensar essa estrada a mais kkk

E a lavagem da moto não adiantou de nada kkk

Forte abraço a todos!

Gedson
OnBoard R1200RT - Bi-Trem - Erechim (RS)








































Nenhum comentário:

Postar um comentário